Raramente eu compro música. Eu baixo. Esse meu disco novo, meus quatro outros, e os dois do Mulheres [Negras], quando eu tô com meu computador ligado, eles estão disponíveis no eMule.”

Agora é esperar alguém chamar o Maurício Pereira de “Zé das couves”.

Anúncios