Durante o lançamento dos livros do Bia e do Alex, conheci a Olivia Maia. Chegou devagar, perguntou umas coisas sobre os livros (acho até que não a atendi direito por causa do movimento), e ficou por ali, batendo papo com a moçada. Soube depois, pelo Bia, que ela tinha uma experiência de publicação por editora, e que não andava lá muito satisfeita, por diversos motivos.

Quando escrevi o post anterior, tive vontade mas não me senti autorizado a tocar no caso dela. Não sabia se aquele era assunto privado, e não queria ser eu a botar na rede. Nesse meio tempo, um dia antes de eu tocar no assunto aqui, o Julio Daio Borges do Digestivo Cultural publicou uma entrevista que fez com ela, falando exatamente no mesmo assunto, sob o ponto de vista da Olivia.

O assunto está no ar.

Anúncios