Mais um conto texto meu na edição deste bimestre da Quarteirão Paulista. Como sempre, Maurício Pierro quebrou tudo, é uma ilustração mais bonita que a outra. Desnecessário dizer, mas a revista inteira está linda.
Se você mora, trabalha, circula, vai ao cinema ou pede esmolas na região da avenida Paulista, veja os pontos de distribuição (gratuita!) na penúltima página da revista. E se estiver louco de vontade de ler o conto — é tanta, que quase posso senti-la daqui —, entre no site e baixe o pdf!

Anúncios