Morreu hoje “em conseqüência de complicações nas lesões cerebrais provocadas por uma queda há várias semanas”, explicou um amigo. Difícil pensar que um escritor com tamanha imaginação tenha tido uma morte tão prosaica, tão imbecil, mesmo aos 84 anos.

Se não o conhece, conheça.

Vai nessa, Kurt. E obrigado por tudo.

Update: Encontrei isto. Vale assistir. Tava no Polzonoff.

Anúncios